Que estado de sucata de veiculo devo dar um lance?

Na hora de comprar uma sucata em um leilão presencial ou online, deve levar em consideração o estado atual dessa sucata, pois em algumas situações o comprador só terá prejuízo. Pensando em facilitar a sua vida, elaboramos uma grande lista de perguntas que você deve responder antes  de dar um lance em uma sucata.

Claro que sempre é preciso colocar a sua experiência com compras no julgamento final, essas são apenas algumas dicas que costumam ajudar na hora do lance.

Estado do veiculo sucata em que vale a pena dar um lance

Duvida na hora de comprar uma sucata
Nem todas as situações vale a pena comprar a sucata.

Carros que deram perca na frente, motor e caixa

Pense em uma Mercedes 2015 que está sendo oferecida em um leilão online por R$1000,00, mas pelas fotos é possível ver que o motor, caixa e toda a frente deu perca, mas a traseira continua intacta. Nesse caso, se o valor final ficar próximo aos 1000 reais vale muito a pena, pois ainda é possível vender portas, teto, traseira baixa, tampa traseira, acabamentos internos que não foram atingidos, lanternas, breaklight, rodas e etc.
A mesma situação vale para um carro popular, se pelas fotos você notar as mesmas condições e valor similar ao do exemplo acima, pule fora. Pois dependendo onde você mora, o frete sairá mais caro que o carro e você terá um lucro mínimo.

Carros que estão com uma lateral amassada

Nesse caso, 90% dos lotes vale a pena comprar, mas é preciso ficar atento ao valor da FIPE e se os lances atuais estão dentro do seu orçamento.

Carros que tem uma lateral amassada dificilmente tem o motor e seus componentes danificados, o kit radiador muitas vezes é aproveitado inteiro, peças da carroceria do lado oposto é 100% aproveitado, peças da capa do painel, como rádio, controles do ar condicionado, difusores de ar, controles dos faróis, chave setas, volante, dentre outros são aproveitadas. O jogo de bancos, faróis, lanternas e assim por diante.

Carros que estão com a traseira batida

Dependendo do modelo do carro vale muito a pena, pois você apenas não vai vender a tampa traseira, talvez o vidro vigia, lanternas e acabamentos traseiros. O resto tem grandes chances de estar 100% e te garantir um baita lucro.

Carros que capotaram

Nesse caso podemos dizer que 50% vale a compra e outros 50% não. Nesse caso é bom fazer visitas presenciais ou pagar para alguém fazer visitas para você.
Em alguns casos o kit Airbag do veículo não aciona e somente ele paga todo o seu valor investido. Por outro lado, em alguns casos até os bancos saem do lugar, coxins do motor se soltam e danificam o motor, radiadores são facilmente amassados, sem falar na lataria que muitas vezes é totalmente perdida.

Concluindo, sugiro que você fique longe de carros que estejam visivelmente capotados, pelo menos até você se sentir seguro em dizer que vale a pena ou não.

Carros que foram roubados

Essa categoria sempre vai valer a pena, pois se o único problema do carro é um sinistro de roubo, isso significa que o carro está inteiro e dependendo do valor vale a pena comprar.

Carros aprendidos ou tomados por falta de pagamentos

Assim como nos carros roubados, os veículos que são tomados por bancos devido à falta de pagamentos ou que são aprendidos pelos órgãos federais, geralmente vale muito a pena. No entanto, é sempre bom analisar a tabela FIPE do carro e quanto vale a pena pagar pela sucata.

Artigos relacionados

Tirar boas fotos das peças automotivas é o segredo... Quando se vende produtos pela internet, o cliente não tem como saber se a peça está trincada, é orig...
O rentável negócio dos leilões e a venda de peças ... Se você tem um veículo automotor já deve ter percebido que assim que o seu veículo precisa de algum ...
Chegou a sucata do leilão. Por onde começo desmanc... Assim que uma sucata arrematada chega a sua garagem, a primeira coisa que deve ser feita é pensar no...
Como divulgar seu estoque de peças na OLX A OLX permite que você anuncie gratuitamente durante 30 dias, depois desse período você pode renovar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *